domingo, 22 de fevereiro de 2015

Capítulo 1 ou Finalmente matriculada

Agora é oficial. Sou uma estudante internacional da Universidade de Coimbra. Como eu sei disso? Poderia dizer que foi pela Carta de Aceitação que eu recebi, pelas primeiras mensalidades já pagas ou pelos convites para as cerimônias de posse do atual reitor.  Mas não. Eu sei que sou definitivamente aluna do centro universitário mais antigo de Portugal porque agora eu tenho um e-mail institucional. O servidor @student.fe.uc.pt (sendo 'fe' de Faculdade de Economia) representa não só um veículo para troca de informações, mas um conceito. E esse conceito diz 'Olá, Futuro!' Ele cumprimenta uma nova oportunidade, de conseguir chegar um pouquinho mais perto, de dar mais um passo em direção daquilo com o que eu sempre sonhei.

Não foi a primeira vez em que eu realizei uma matrícula em uma instituição de ensino superior. Já havia realizado quando fiz o processo seletivo agendado da Unicuritiba e da FAE, para Relações Internacionais e Negócios Internacionais, respectivamente. Poderia ter feito para Negócios Internacionais na Universidade Positivo e em Ciências Sociais e Administração na Universidade Federal do Paraná. Mas dessa vez foi diferente. Toda a correria para encontrar documentos, fazer pagamento online, tomar uma vacina dolorida (!), procurar residências estudantis (essa busca ainda não acabou) trouxeram uma sensação de paz incontestável, que nenhum livro de autoajuda poderia fazer igual.

Agora que a primeira etapa foi concluída preciso resolver tudo relacionado ao visto, às passagens aéreas, à minha estadia, às bagagens (meu terror!). Mas como diz Scarlett O'Hara, 'eu penso nisso amanhã. '

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...